CONHECENDO NOSSAS POTENCIALIDADES

 

Sairé está localizado no Agreste central de Pernambuco, numa sub-região denominada Brejo Pernambucano, com uma altitude de 693 metros, dispõe de clima favorável ao plantio de uma grande diversidade de plantas frutíferas. Com terras férteis, tem contribuído com a produção de laranja, tomate, goiaba, fumo, verduras, inhame etc, que abastecem a Ceaca (Caruaru-PE) e a Ceasa (Recife-PE).

Na história do nosso Município, também, registramos um passado de glória com a instalação de diversos engenhos de açúcar e cafezais por todos os sítios, sendo que o Sítio Cunha se destacou com seus grandes plantios de café.

As propriedades, a grande maioria, estão ocupadas com a atividade dos agricultores familiares. Também, destaca-se o trabalho assalariado, principalmente, nos plantios de tomate. Um aspecto importante a se considerar é a utilização de mão-de-obra trazida dos Municípios de Camocim de São Félix e Barra de Guabiraba para os plantios de tomate, maracujá, entre outros, em carros sem nenhuma segurança para os trabalhadores, pois, são caminhões ou “pau-de-arara”, os veículos utilizados para esse transporte. Pagando salários inferiores ao salário mínimo estabelecido nacionalmente pelo governo federal.

Um problema que destacamos por existir nos plantios de tomates é o uso indiscriminado de agrotóxicos ou defensivos agrícolas. A falta de uma política pública municipal para a agricultura tem permitido muitos trabalhadores rurais terem acesso aos agrotóxicos sem cuidados especiais por falta de informações. Relatos são feitos de trabalhadores que adoeceram nesses plantios e, medicados, chegaram à conclusão que não podem mais trabalharem em ambientes que usam algum tipo de defensivo agrícola ou agrotóxicos.

Com relação à agricultura, a mão-de-obra majoritariamente utilizada é familiar. Os pequenos proprietários são numerosos, produzindo, principalmente, para o abastecimento da região agreste. Um percentual muito pequeno de agricultores familiares são os que pagam mão-de-obra, ocasionalmente.

O Município localiza-se numa região privilegiada se considerarmos o fato de está cortado pela BR-232 (Rodovia Luiz Gonzaga) e pela PE-103 (Rodovia Deputado Ribeiro Godoy), que são rodovias importantes para o escoamento da produção do Município. Municípios de médio e grande porte como Bezerros, Gravatá e Caruaru são procurados pelos saireenses nos quais fazem suas compras e, também, comercializarem as suas produções do mundo rural.

Sairé apresenta realidades distintas quando observamos a existência de regiões com bastante água e outras com a escassez desse produto precioso. Como exemplos de comunidades com escassez de água, podemos citar: Cruzeiro do Oeste, Jabuticaba, entre outros. Construir uma adutora para abastecer essas localidades será a oportunidade de resolver o problema da falta de água nas comunidades citadas anteriormente com a construção de chafarizes nas referidas localidades. Enquanto, que, a realidade vivida pelas comunidades de Cajueiro, Riachão de Itapegipe, Brejo Velho, Pilões, Limeira e Brejão registra-se quantidade suficiente de água para a utilização na irrigação dos plantios. Destaca-se o Sítio Brejão como possuidor de um grande açude que abastece o Município de Bezerros, através da Compesa e o Sítio Riachão de Itapegipe, na localidade denominada Poço Fundo, possuidor de um reservatório de água que abastece a cidade de Sairé, também, através da Compesa. As comunidades sem água são atendidas por meio de carros-pipas, que são contratados pela Prefeitura e, também, pelo IPA (governo estadual).

Os 197 km2 de Sairé, estão cortados por estradas que ligam os Municípios de Bezerros, Camocim de São Félix, Barra de Guabiraba e Gravatá. Os principais eixos são: saindo da BR 232, distrito de Insurreição passando por Cruzeiro do Oeste, Aparecida do Norte, Jabuticaba, Mongonga até o Sítio Cunha se encontrando com outro eixo que sai de Bezerros passando por Riacho do Mel, Serra do Sapato, Estivas, Cunha, Moreno, Antas até Sairé. De Sairé até Mandacaru, Gravatá. De Sairé até Uruçu-mirim, Gravatá. De Sairé até Barra de Guabiraba. De Sairé até Camocim de São Félix. Estas estradas são administradas pelo poder público de Sairé que, na maioria das vezes, não tem cuidado das mesmas como é reivindicado pela população que reside no meio rural.

Mesmo o Município apresentando a existência de mananciais de água abundante, por incrível que pareça, registra-se falta de água constantemente nas ruas do espaço urbano. O bairro denominado de Vale Verde tem reclamado constantemente com a falta de água, segundo informações da comunidade. Verifica-se aí, falta de compromisso da Compesa com os usuários do serviço no referido bairro.

A população de acordo com o censo 2010, registra um número de 11.240 habitantes, sendo que quase 60% dessa população residem na zona rural.

Povo considerado muito religioso, basta observar a existência de dezenas de capelas da Igreja Católica pelos sítios e de igrejas evangélicas na cidade e no campo. Participam de várias romarias como as de Frei Damião, em São Joaquim do Monte, do Pe. Cícero Romão, no Juazeiro, entre outras.

Percebemos, também, o trabalho dos nossos artistas no campo da música, pintores a exemplo de Zito de Luiz Quirino, como também, mestres da arte do barro que na comunidade de Insurreição tem se destacado com seus artesanatos distribuídos em todo Estado de Pernambuco, um dos destaques dessa arte chama-se Dionísio, no distrito de Insurreição.

Outro aspecto importante da nossa cultura é o buscapé. Tradição da nossa terra que foi preservada até os dias atuais, por algumas famílias, destacando-se a família Barbosa como sendo a principal na fabricação do buscapé. Um ícone dessa tradição pode ser considerado o Sr. José Barbosa da Silva Filho, popularmente chamado de paiaiá, pelos amigos e familiares. Ultimamente o Sr. Paiaiá não está mais na fabricação desse fogo de artifício, por questões de ordem pessoal. Mas, queremos registrar alguns nomes de bravos saireenses que dão sua contribuição para que a tradição do buscapé continue viva. São eles: Miguel Lins de Melo, conhecido por Miguel de Genézio, o Sr. Menininho, o Sr. Pedro Barbosa, o Sr. Valdemar Gonçalves, Armando Barbosa, e Emídio Soares como um dos incentivadores dos fogueteiros aqui mencionados.

Mas o que tem sido feito pela cultura desse Município? Infelizmente, muito pouco. Ainda não temos políticas públicas para beneficiar a população no campo cultural. Os projetos se existem, não são conhecidos da coletividade, não fazem parte do dia a dia da comunidade.

 

Formação Administrativa

Distrito criado com a denominação de São Miguel, pela lei municipal nº 13, de 26-01-1896, subordinado ao município de Bezerros.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1933, o distrito de São Miguel, figura município de Bezerros.

Assim permanecendo em divisão territorial datadas de 31-12-1936 e 31-12-1937.

Pelo decreto-lei nº 952, de 31-12-1943, o distrito de São Miguel, passou a denominar-se Sairé.

No quadro fixado para vigorar no período de 1944-1948, o distrito de Sairé ex-São Miguel, figura no município de Bezerros.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 01-07-1960.

Elevado à categoria de município com a denominação de Sairé, pela lei estadual nº 4.942, de 20-12-1963, desmembra de Bezerros. Sede no antigo distrito de Sairé. Constituído do distrito sede. Instalado em 13-03-1964.

Em divisão territorial datada de 31-12-1968, o município é constituído do distrito sede. Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2005.

Alteração toponímica distrital

São Miguel para Sairé alterado, pelo decreto-lei estadual nº 952, de 31-12-1943.

Fonte: IBGE

 

Enquete

QUEM VOCÊ VOTA PARA PREFEITO?

FERNANDO PERGENTINO (7)
88%

ELZA PEDROSA (1)
13%

Total de votos: 8

Enquete

EM QUEM VOCÊ VOTA PARA VEREADOR (2)?

ROBERTO DE ELZA (1)
20%

GILDO DE ZÉ DIAS (1)
20%

JOSENISSE (1)
20%

VALDETE (0)
0%

PEZÃO (1)
20%

FLÁVIO AGENTE DE SAÚDE (0)
0%

LAMARTINE (1)
20%

NORA (0)
0%

Total de votos: 5

QUAIS MUDANÇAS VOCÊ DEFENDE PARA QUE SAIRÉ POSSA VIVER UM NOVO TEMPO?:

Nenhum comentário foi encontrado.

Novo comentário

DEIXE SEU COMENTÁRIO SOBRE A EDUCAÇÃO ESCOLAR EM SAIRÉ.

Nenhum comentário foi encontrado.

Novo comentário

DEIXE SEU COMENTÁRIO SOBRE A ATUAÇÃO DA PREFEITURA NA SAÚDE.

Nenhum comentário foi encontrado.

Novo comentário

QUE PROPOSTA VOCÊ APRESENTA PARA O VEREADOR OZÉIAS DO SINDICATO DEFENDER NA CÂMARA MUNICIPAL?

Nenhum comentário foi encontrado.

Novo comentário

Enquete

O VEREADOR OZÉIAS DO SINDICATO DEFENDE QUE SEJA FEITO UMA ENTRADA PARA A CIDADE DE SAIRÉ AS MARGENS DA BR 232 - DE FRENTE AO MONTE CASTELO. VOCÊ APROVA?

SIM (5)
83%

NÃO (1)
17%

Total de votos: 6

Partido Democrático Trabalhista

www.pdt.org.br

 

Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Estado de Pernambuco

www.fetape.org.br

 

Confederação dos Trabalhadores na Agricultura

www.contag.org.br

 

Confederação Brasileira dos Trabalhadores Circulistas

www.cbtc.org.br